expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

terça-feira, 16 de agosto de 2022

A teima foi tirada em Mossoró: a vantagem de Fátima é na faixa dos 30 pontos

Eleições 2022.

No início de julho a pesquisa TS2/TCM apontou a governadora Fátima Bezerra (PT) com uma vantagem de 30 pontos percentuais sobre o segundo colocado, no caso o senador Styvenson Valentim (PODE). O ex-vice-governador Fábio Dantas (SD) ficou em terceiro com 5%.

Já no dia 4 de agosto o Jornal Agora RN trouxe um quadro completamente diferente em relação ao Governo em Mossoró. Os números do Instituto Exatus apontavam um empate técnico entre a governadora que tinha 27,38% e o senador do Podemos com 21,25%.

Isso gerou uma pergunta na cabeça do eleitor? Qual pesquisa está correta. Esta circunstância transformou a pesquisa Seta divulgada ontem pela Band RN como uma espécie de tira-teima entre os dois institutos em relação à eleição para o Governo dentro do contexto de Mossoró.

Os números da Seta foram mais parecidos com os da TS2 com Fátima Bezerra tendo 41,2%, Fabio Dantas 12% e Styvenson Valentim 6%. Neste caso o ex-vice-governador inverteu a posição com o senador.

No TS2 Styvenson está entre 6,5% e 13,5% enquanto Fábio entre 1,5% e 8,5%, o que os deixa tecnicamente empatados. Na Seta o senador tem entre está entre 2% e 10% enquanto o ex-vice de Robinson Faria fica entre 8% e 12%.

A variação entre Styvenson e Fábio Dantas estão dentro da margem de erro nas duas, o que os deixa tecnicamente empatados.

Em síntese: nas duas pesquisas parecidas Fátima tem vantagem na faixa dos 30 pontos percentuais sobre o segundo colocado enquanto Styvenson e Fábio Dantas estão tecnicamente empatados.

A teima foi tirada para efeitos de análise sobre o quadro em Mossoró até segunda ordem.

(Blog do Barreto)

 

 

Nenhum comentário: