expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

terça-feira, 26 de novembro de 2019

Zé Maniçoba e seu empreendedorismo no Rosado



O sexagenário Zé Maniçoba, nascido e criado no Rosado conhece bem a história do povoado onde também viveram seus pais e avós.

Com restaurante a beira mar há mais de vinte anos, Maniçoba em momentos festivos chega a contratar até dez pessoas, além dos filhos que trabalham permanentemente.

No cardápio uma variedade de peixe a gosto do freguês. E o preço é bom. Um quilo de lagosta, por exemplo, já foi vendido a R$ 120,00, hoje sai por R$ 50 reais.

Num bate papo descontraído, Maniçoba conta que o dinheiro está escasso, mas não se pode comparar as dificuldades de hoje com o que ele chama de "tempo da piraca, da escuridão". 

Mostrando saudosismo ao falar do passado, ele como testemunha do tempo, viu o progresso chegando aos poucos. E sobre o futuro do lugar, modestamente, ele diz que não sabe como será!

Republicando.... (sábado, 24 de novembro de 2012)

Nenhum comentário: