expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

segunda-feira, 28 de outubro de 2019

TREMORES DE TERRA FREQUENTES INDICAM que falha de SAMAMBAIA está ativa no RN



Desde o mês de julho deste ano foram registrados quatro tremores de baixa intensidade (com magnitude inferior a 1.0 na escala Richter) na região sul da Falha de Samambaia, no Rio Grande do Norte. 

A falha de Samambaia, a maior do Brasil, tem uma extensão de 38 km por 4 km de largura e corta os municípios de Parazinho, João Câmara, Poço Branco e Bento Fernandes com uma profundidade que chega a 9 km. Ela foi responsável por um dos eventos sísmicos de maior proporção no Brasil, o de João Câmara, em 1986.

De acordo com o Laboratório de Sismologia da UFRN  (LabSis) os recentes e frequentes tremores na região demonstram que a falha geológica está em atividade. Os sismos ocorreram na área entre Umbu do Paulo, no município de Bento Fernandes, e Ouro Preto, em Caiçara do Rio do Vento, que estão localizadas no limite sul da Falha de Samambaia.

Nenhum comentário: