expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

quarta-feira, 7 de novembro de 2018

RN gasta 86% da receita com folha de pessoal, segundo aponta relatório do Tesouro Nacional



O Rio Grande do Norte gastou 86% da receita com folha de pessoal no ano passado, de acordo com relatório do Tesouro Nacional divulgado na terça-feira (6).

Com isso, o estado lidera a lista das 16 unidades federativas, além do Distrito Federal, que ultrapassaram o limite de comprometimento de 60% da receita corrente líquida.

Os dados contradizem números do próprio governo do estado, que apontam gasto de 52% com pessoal.

De acordo com o relatório Exposição da União à Insolvência dos Entes Subnacionais, a discrepância entre os dados acontece por causa de "divergências metodológicas na contabilização de rubricas fiscais".

O cálculo do Tesouro Nacional incluiu despesas que normalmente não são levadas em conta pelos estados, que não querem sofrer sanções previstas na Lei de Responsabilidade Fiscal.

Em nota, o governo do RN afirmou que utiliza 57% e não 86% de despesas com pessoal. Além disso, considerou que o cálculo tem "estrita concordância" com as regras estabelecidas.

Postar um comentário